quinta-feira, 23 de setembro de 2010

CNBB - Devotos de Fátima

De: 
  Marilda Oliveira...
 Enviado: Qui 23/09/10 09:56 
Para:     
Camila Silva DF960...
 Prioridade:  Normal 
Assunto: 
 Re: Hoje é o dia, Marilda
Resposta ao e-mail recebido  de Devotos de Fátima/CNBB
Concordo Camila com suas palavras;- no mesmo tempo como católica fervorosa que sou repudio as atitudes dos padres católicos fazendo o que bem entendem, sujando a igreja católica, o cristianismo, os cristãos, e o pior, envolvendo-se absurdamente na política suja e contaminada que expropriou o Brasil nos últimos sessenta anos pelas classes dominantes, com ajuda de políticos que se dizem brasileiros mas não são: na realidade são judeus sionistas que vestindo a capa do lobo com vestes de  cordeiro, estão implantando assustadoramente no Brasil e no mundo, a seita que não é  seita e não é nada e se passam por ATEU! estes são os judeus sionistas disfarçados, para pisarem, destruirem, aniquilarem, desmoralizarem, os cristãos espalhados pelo  mundo, e principalmente no Brasil, aonde soma sua maior quantidade. Portanto Camila, lhe pergunto? aonde estão os padres? Sem contar com os salesianos vindos da fortuna expropriadora do Padim Ciço que originou a Canção Nova Abid, Pde.Marcelo, De Melo, Zé Maria com a pobre da Santinha na Barriga participando apenas de cerimônias da elite brasileira donos das c$ifras.
O povo brasileiro vê a tudo isto, mas nós nos direcionamos ao nosso querido, Supremo e Onipotente Mestre Jesus, o maior de todos os seres existentes no universo; - que para entender a humanidade e no mesmo tempo respeitá-la pela sua ignorância na falta de conhecimento em entender o porque?,... este mestre querido esteve no meio dos viventes, não conseguiu mudar a mentalidade da humanidade por isto recebeu o sacrifício supremo, foi torturado e assassinado(+); - a fé do povo  move montanhas, está movendo neste momento, porque este é um povo que trabalha, é  humilde, sem ostentação, submisso, que tudo vê... mas entrega ao nosso mestre o que vê para seu juízo. E mais uma vez lhe pergunto Camila?! aonde estão os padres? defendendo a campanha do Chalita ao Senado? e QUEM a presidencia? envolvendo-se com a política quando deveriam estar junto ao povo às famílias orientando fraternidade?, levando as palavras do Senhor... não permitindo assim que os cristãos católicos migrassem para outras  seitas que não precisamos ler muito, para saber que são arrecadadoras de  c$ifras!... colocando estes fiéis esperançosos e no mesmo tempo impensante pela própria condição  oferecida pelas classes dominantes, tirando-lhes o dinheiro sagrado das suas  sobrevivências em forma de dízimos, para manterem estações de rádio, TV, mordomias a perder de vista!... e o pior ISTO É A MEU VER,  ENRIQUECIMENTO ILÍCITO...
Portanto Camila lhe digo... sou católica amo Meu JESUS e Meu DEUS amo Nossa Senhora, minha fé é imutável, inabalável, perpétua, consciente, fervorosa, e a prego por todos os caminhos por onde ando, mas não posso deixar de apontar a IRRESPONSABILIDADE do clero aos assuntos que envolve a população!... NO MAIS PROFUNDO  SENTIMENTO DE OBEDIÊNCIA AOS ENSINAMENTOS PREGADOS NO LÍVRO DE PEDRA POR NOSSO SENHOR JESUS CRISTO,  apresentado por MOISÉS.
Que Nosso Senhor Jesus Cristo abençoe os povos do mundo que clamam pela paz e pela
desigualdade social.
Com respeito,
Marilda Oliveira
São Paulo - SP - Brasil

E-mail recebido de Devotos de Fátima/CNBB e com todo o Respeito.
On Qua 22/09/10 23:33 , "Devotos de Fátima" atendimento@adf.org.br sent:

> Triste? Triste é pouco. Caso não esteja 
visualizando corretamente esta mensagem, acesse aqui. > Marilda, Triste é pouco. Não é preciso sair de casa para se revoltar com tantas desgraças arrasando famílias e destruindo lares pelo país. Ontem mesmo, assistindo ao telejornal, senti uma agonia tão grande... Pais de família que são brutalmente assassinados... crianças que sofrem maus tratos... Meu Deus, todo dia isso? Olha, Marilda, só o que pude fazer foi: REZAR. > E você há de concordar comigo... Precisamos nos unir e suplicar por misericórdia e proteção a Nossa Senhora da Medalha Milagrosa. Por falar nisso, no próximo sábado será rezada a Missa da Medalha Milagrosa e eu quero muito que você participe e inscreva seus pedidos de oração. Ligue pra mim no 0800 773 1119 > (ou 4368 2253 para São Paulo). Quanto mais devotos participarem, mais nossas preces serão fortalecidas e, com fé, Nossa Mãe nos atenderá. Vamos pedir por mais proteção, Marilda. Fale HOJE MESMO com um de nossos voluntários no 0800 773 1119 (ou 4368 2253 para São Paulo) e inscreva suas intenções nesta próxima Missa. Se você preferir, eu lhe retorno a ligação. Para isto, basta responder este e-mail com um número de telefone e o horário de sua preferência. Que Nossa Senhora lhe proteja sempre. Camila Silva> Associação Devotos de Fátima> DF960... www.adf.org.br > Para cancelar o recebimento de novas mensagens da> Associação Devotos de Fátima, acesse aqui. 
> -------------------------

> E-mail verificado pelo Terra Anti-Spam.
   Para classificar esta mensagem como spam ou não spam, clique aqui.   Verifique periodicamente a pasta Spam para garantir que apenas mensagens indesejadas sejam         classificadas como Spam. 
> -------------------------

> Esta mensagem foi verificada pelo E-mail Protegido Terra.
   Atualizado em 22/09/2010

quinta-feira, 16 de setembro de 2010

terça-feira, 14 de setembro de 2010

A partir do Caos Surge a Vida

No primórdio dos tempos havia o Caos, uma extensão ilimitada e desordenada, um espaço aberto em um abismo sem fundo. 
Antes do Caos nada existia, o princípio extinguia-se abruptamente. 
Caos, o vazio primitivo e escuro
que precede toda a existência.



No meio do abismo do Caos, em determinado momento um ínfimo chão foi instaurado, surgindo Gaia, a Terra, através do mito do cosmo e da força intelectual, encerrando a desordem do nada.


Do caos, surge Gaia (a Terra)- Gaia trazia em si a pulsação da vida, a latência de uma natureza que não se continha sozinha. Na solidão fria do Caos, surgiu, seguido a Gaia, Eros, o amor. A partir dele, nada mais poderia caminhar sozinho.
















Eros, o amor








Antes de ser atingida pela força de Eros,


Gaia trazia o principio que fecundava e era fecundada por si mesma. 
Podia sozinha gerar a vida. 


No ímpeto de querer um ser tão poderoso quanto ela, 
concebeu Urano, o Céu estrelado, que a cobriu por inteiro. 


Ainda sozinha, gerou as Montanhas, o Mar, o Ponto e as Ninfas.
No meio do Caos, depois de Gaia, surgiu a Noite, ser constituído por uma treva profunda. 


Assim como Gaia, a Noite engendrou sozinha o Éter, a luz feita somente para iluminar os deuses; e, o Dia, claridade maior que se iria estender não somente aos imortais, como às criaturas perecíveis, entre elas os homens.
No instante em que se gerou a Noite, o Caos viu nascer o Érebo, lugar sombrio que se alojaria debaixo da Terra, 

Érebo
constituindo a morada das sombras, das almas.


Mas Eros, o amor, força maior do que a própria madre geradora de Gaia, já não permitia que entidade alguma fecundasse solitariamente.


 O amor exigia dois pólos como geradores da vida: o fecundador e o fecundado. Movida pelo impulso determinador de Eros, Gaia uniu-se ao seu filho primogênito, Urano.


Urano mostrou-se um amante apaixonado. Ao lado de Gaia, tornou-se o senhor de todos os seres e deuses. Da união e do amor dos dois, nasceram seres violentos e primitivos, povoando o universo e a Terra.
Urano e Gaia
 O Caos, princípio de tudo, já não seria o presente ou o futuro, perdera a solidão do nada diante da vida. Antes dele não se sabe o que existia. Nunca será revelado aos deuses e aos homens.
O Cosmos
Depois de organizado, o Caos chamar-se-á Cosmos. Jeocaz Lee-Meddi